O futuro do Ethereum: As últimas Notícias do Ethereum

Você é atualmente um investidor Ethereum e quer descobrir o que o aguarda no futuro? Ou talvez você esteja pensando em fazer uma compra e queira saber se agora é um bom momento? Bem, não procure mais, pois vou contar tudo o que você precisa saber sobre o futuro do Ethereum!

A propósito, você sabia que, em 2017, o preço do ETH subiu quase 10.000%? Loucura, né ?!

De qualquer forma, neste futuro do guia do Ethereum , vou começar explicando brevemente o que o projeto realmente é, seguido por uma visão geral de alguns dos problemas que afetarão seu preço.

Depois disso, vou discutir algumas das possíveis soluções que a equipe do Ethereum está trabalhando para corrigir seus problemas de escalabilidade. Por fim, discutirei algumas previsões de preços populares e darei minha opinião sobre se acho ele um bom investimento.

Então, o que você está esperando? Vamos começar certificando-nos de que sabemos o que o Ethereum realmente é!

(Se você já está confiante com o seu conhecimento sobre a história e o conceito do Ethereum, fique à vontade para pular para a próxima seção!)

Uma Breve Introdução ao Ethereum

O Ethereum foi criada em 2015, pelo desenvolvedor Vitalik Buterin, e é agora a segunda moeda mais valiosa no mundo das criptomoedas.

Foi o primeiro projeto blockchain a ter a tecnologia de smart contract (Contrato inteligente), que permite que as pessoas entrem em um acordo sem precisar de um intermediário. Foi também o primeiro blockchain a incluir uma linguagem de programação.

O futuro do Ethereum: As últimas Notícias do Ethereum

O Ethereum também pode hospedar aplicativos descentralizados (dApps), que são aplicativos que funcionam sem um ponto central de controle, tornando-os justos e transparentes. Um dos mais bem sucedidos dApps construído no Ethereum é o CryptoKitties, que é uma plataforma que permite que as pessoas comprem, vendam e até mesmo pintem gatinhos virtuais!

Além disso, o Ethereum também tem sua própria criptomoeda, que é chamada Ether. Assim como o Bitcoin, o Ethereum permite que você envie e receba moedas entre carteiras. O tempo médio de transação é de aproximadamente 16 segundos e a quantidade máxima que o blockchain pode processar é de 15 transações por segundo.

Assim como o Bitcoin, o blockchain Ethereum usa um mecanismo de consenso chamado Proof-of-Work. No entanto, como explicarei mais adiante, eles estão tentando mudar isso para outra coisa devido a problemas de escalabilidade.

O blockchain Ethereum também permite que o usuário crie novos tokens, que são chamados principalmente de tokens ERC-20 .

Então agora que você sabe o que o projeto Ethereum faz, a próxima parte do meu guia do Ethereum vai falar sobre os problemas de escalabilidade da plataforma.

O futuro do Ethereum

Embora o blockchain Ethereum seja a segunda plataforma mais popular mundo das criptomoedas, ele tem alguns problemas relacionados à escalabilidade. (Escalabilidade se refere ao número de transações que um blockchain pode processar por segundo).

Conforme mencionei anteriormente, o Ethereum só consegue processar 15 transações por segundo. Nos início do projeto, isso não era um problema, já que muitas pessoas não o usavam. No entanto, como Ethereum se tornou mais popular, isso tornou-se o maior problema que o blockchain Ethereum enfrenta hoje.

Para lhe dar uma ideia de como ele é limitada, o blockchain NEO (que também pode processar contratos inteligentes), pode processar até 10.000 transações por segundo. A menos que os desenvolvedores do Ethereum resolvam seu problema de escalabilidade, as organizações podem considerar o uso de outras blockchains para hospedar seus contratos inteligentes e dApps, ao invés do Ethereum. Se isso acontecer no futuro, o preço do Ethereum provavelmente cairá.

Então, como você pode ver, esta questão é de suma importância.

Felizmente, os desenvolvedores do Ethereum estão totalmente cientes desses problemas e estão em processo de fazer algumas mudanças significativas. Vamos dar uma olhada nas possíveis soluções.

Proof of Stake (Casper)

Você se lembra de como mencionei anteriormente que o blockchain Ethereum usa o mecanismo de consenso da Prova de Trabalho? Bem, esta é uma das razões que levou a seus problemas técnicos. Como resultado, a equipe está pensando em mudar para a Proof of Stake.

A Prova de Trabalho exige que os mineradores usem seu poder computacional extra para resolver quebra-cabeças realmente complexos. Quem tiver o dispositivo de hardware mais poderoso, terá a maior chance de ganhar a recompensa de mineração. Todos tentam resolver o quebra-cabeça ao mesmo tempo, e o vencedor é o minerador que resolver o problema primeiro.

A Prova de participação (Proof of Stake) é diferente, já que nem todos os mineradores tentam resolver um quebra-cabeça ao mesmo tempo. Em vez disso, eles trabalham um por um. Eles são selecionados para minerar aleatoriamente, embora, eles devem 'apostar' um número de Éter para terem uma chance de serem selecionados.

A quantidade de transações que eles podem minerar / verificar é determinada pelo valor que eles apostam. Se um minerador põe 10 ETH, ele poderá minerar 10 ETH. Para esclarecer, isso significa que a quantidade máxima que eles podem minerar é igual à quantidade que eles apostaram.

Há muitos benefícios que a Proof of Stake pode trazer para o Ethereum. O primeiro é o aumento da eficiência energética. A rede Proof-of-Work requer grandes quantidades de eletricidade, já que todos os mineradores trabalham nos mesmos quebra-cabeças, queimando com desperdício seu poder computacional. Por outro lado, a Proof of Stake funciona em um sistema de um por um, o que significa que muito menos eletricidade, em geral, é usada.

O futuro do Ethereum usando a Proof-of-Stake também reduzirá os riscos de centralização. A Prova de Trabalho permite que grupos de mineradores juntem seus recursos para aumentar suas chances de ganhar a recompensa de mineração. O problema é que isso dá ,a uma pequena quantidade de pessoas, muita influência na rede, especialmente para àquelas que controlam grandes grupos de mineradores. A Proof of Stake, no entanto, torna esse processo mais difícil.

Os desenvolvedores do Ethereum chamam o movimento de Proof-of-Work para Proof-of-Stake de: “Casper Project”. Esse processo está sendo liderado por Vlad Zamfir.

Embora a atualização de Casper tenha sido discutida pela primeira vez em meados de 2017, a equipe ainda precisa terminar de trabalhar nela. Acreditou-se que ele seria instalado durante o ano de 2018.

Então, agora que você sabe sobre o projeto Casper, a próxima parte do meu guia sobre o futuro do Ethereum vai falar sobre a atualização "Plasma".

Plasma

O projeto Plasma foi anunciado pela primeira vez por Vitalik Buterin em agosto de 2017 e está sendo desenvolvido para resolver os problemas de escalabilidade do Ethereum. Essencialmente, o Plasma é um protocolo que permitirá que o blockchain Ethereum remova a necessidade de processar dados desnecessários. Isso será feito criando-se uma segunda camada no topo da blockchain principal.

Ele ainda será capaz de processar contratos inteligentes, no entanto, só irá publicá-los no blockchain assim que o contrato for concluído. Isso reduzirá significativamente a quantidade de poder computacional que o blockchain precisa para confirmar transações e também economizará muita memória.

O protocolo Plasma também acelerará os tempos de transação, o que permitirá que a rede hospede dApps sem atrasar o sistema.

O desenvolvimento do Plasma ainda está no começo, então ainda não temos certeza de quando ele será instalado na blockchain Ethereum.

A próxima parte do meu guia sobre o futuro do Ethereum vai falar para outra opção que também está sendo considerada pelo Ethereum.

Sharding

Assim como no caso do protocolo Plasma, o Sharding também está sendo desenvolvido para resolver os problemas de escalabilidade. Antes de entender o que o Sharding fará, vamos tentar entender qual é o problema real.

No momento, cada nó que está conectado ao blockchain Ethereum precisa verificar cada transação que passa por ele. Por exemplo, se houver 4.000 transações que precisam ser verificadas no próximo bloco, cada nó deverá verificar todas as 4.000 transações.

Embora isso seja realmente bom para a segurança, isso também significa que a velocidade da rede está limitada à velocidade dos nós conectados a ela.

O Sharding fará as coisas de maneira diferente. Uma vez instalado, a rede será dividida em partes menores, com cada parte sendo chamada de shard(fragmento). Cada fragmento individual armazenará um histórico de transações diferente, no qual cada nó poderá trabalhar independentemente. Espera-se que isso aumente significativamente o número de transações que o blockchain Ethereum pode processar, já que ele não precisará de todos os nós para confirmar cada transação.

Para não deixar dúvidas a respeito do Sharding, pense em um grupo de trabalhadores que está limpando uma casa. No atual blockchain do Ethereum, cada pessoa desse grupo limpa, individualmente, todas as partes da casa.

Isso significa que todo trabalhador precisará limpar o banheiro, a cozinha, a sala de jantar e todos os quartos. Isso é eficiente? Definitivamente, não! Com o protocolo Sharding, cada trabalhador receberia uma sala para limpeza, o que significa que eles poderiam terminar seu trabalho com maior rapidez!

Vitalik Buterin explicou que as soluções de camada um (Sharding) e de camada dois (Plasma) podem ser instaladas concorrentemente. Buterin também afirmou que o Sharding sozinho poderia aumentar o limite de escalabilidade do Ethereum em pelo menos 100 vezes. Uma vez adicionado o Plasma, o Ethereum poderá processar dezenas de milhares de transações por segundo!

Então, agora que você sabe sobre Sharding e Plasma, a próxima parte do meu guia sobre o  futuro do Ethereum vai falar para o que é o projeto Raiden!

Compare Crypto Exchanges Side by Side With Others

Did you know?

Have you ever wondered which crypto exchanges are the best for your dating goals?

See & compare TOP3 crypto exchanges side by side

Raiden

O projeto Raiden (ou Raiden Network ) está sendo construído por uma organização terceirizada que não faz parte da equipe Ethereum. A ideia é tirar as transações de pagamento do blockchain. Isso significa que as transações não precisam ser processadas e confirmadas por todo o blockchain.

Em vez disso, apenas as duas partes envolvidas na transação precisam chegar a um consenso. Qualquer pessoa, que queira entrar em um acordo, pode abrir um novo “canal” no protocolo Ethereum, o qual só pode ser usado por aqueles envolvidos na transação.

A única vez que os usuários precisam voltar no blockchain é quando eles quiserem gastar seus tokens fora da plataforma Raiden.

Curiosamente, Vitalik Buterin falou realmente negativamente sobre o projeto Raiden, mais especificamente sobre suas razões para fazer uma ICO. Buterin questionou por que eles precisavam criar um token e levantar fundos. No entanto, Raiden arrecadou mais de US $ 33 milhões.

Nota: Uma ICO (Initial Coin Offering) é um evento de crowdfunding no qual um token de criptomoeda é oferecido pela primeira vez. Os investidores compram o token e os fundos recebidos são usados ​​para desenvolver o projeto.

Agora que você tem uma boa compreensão dos principais desenvolvimentos de projetos que podem ser instalados no blockchain do Ethereum, a próxima parte do meu guia vai falar sobre algumas possíveis previsões futuras para o Ethereum.

O futuro do preço do Ethereum

É importante que você saiba que, se alguma das soluções acima for implementada com sucesso, o preço do Ethereum poderá aumentar.

A razão para isso é que, embora a rede só seja capaz de processar 15 transações por segundo, ela ainda é a segunda criptomoeda mais valiosa no mercado. Imagine o quanto ela cresceria, caso fosse capaz de aumentar esse número para milhares de transações por segundo?

De qualquer forma, eu queria discutir algumas previsões do Ethereum que existem atualmente. A primeira previsão popular que encontrei foi a do Gaurav Iyer, da Profit Confidential. Iyer argumenta que os problemas de escalabilidade do Ethereum restringiram o aumento do preço do Ethereum. No entanto, ele acredita que, uma vez resolvido esse problema, o preço do Ethereum poderá atingir US $ 1.500 em 2020.

O preço mais alto que o Ethereum já atingiu foi de US $ 1.377, atingido em janeiro de 2018. Se as previsões futuras da Iyer para o Ethereum estiverem corretas, ela precisará atingir um novo recorde histórico.

Outra previsão que encontrei foi da Investing Haven. O serviço de previsão adota uma abordagem ligeiramente diferente, já que eles usaram a análise de gráficos técnicos com base nos dados de oferta e demanda anteriores.

O Investing Haven diz que o preço do Ethereum chegará a US $ 1.000 até o ano 2020. Embora isso seja tecnicamente uma previsão positiva (já que é muito maior do que o preço de junho de 2018), ela é muito conservadora. A razão para isso é que US $ 1.000 ainda não ultrapassaria a alta histórica do Ethereum, o que significa que eles esperam que o crescimento seja muito lento.

Na minha terceira previsão do Ethereum, olhei para o WalletInvestor, que acredita que o Ethereum atingirá US $ 1.221 até junho de 2020, o que também está aquém da alta histórica do Ethereum. Infelizmente, WalletInvestor não dá nenhuma explicação sobre como eles chegaram a essa previsão, o que dificulta a análise.

Future of Ethereum Long-Term Price Predictions

A última previsão que encontrei foi a da LongForecast, que tem uma visão interessante sobre 2020. De acordo com a equipe de análise, o Ethereum começará em 2020 com US $ 363, mas aumentará lentamente, ao longo do ano, terminando em US $ 841.

É frustrante que a LongForecast não explique porque eles acreditam que o preço do Ethereum começará em 2020 tão baixo, nem o porquê de acharem que ele vai se recuperar até final do ano.

Como você vê o preço do Etherum daqui para frente? Você concorda com algum dos analistas acima? Na parte final do futuro do guia, vou dar a minha opinião sobre como eu vejo que será o futuro do Ethereum.

A minha opinião sobre o futuro do Ethereum

Antes de prosseguir, é importante lembrar que você nunca deve investir dinheiro em uma criptomoeda baseando-se apenas em previsões de preço. Nunca se esqueça de que as previsões do Ethereum nada mais são do que opiniões.

Se eles estivessem sempre certos, todos nós seríamos pessoas muito ricas! O mais importante é que você sempre conduza sua própria pesquisa antes de tomar uma decisão de investimento.

De qualquer forma, agora que já falei isso, eu queria que você soubesse rapidamente como eu vejo o futuro do Ethereum. Eu realmente acredito que tudo se resumirá à capacidade do Ethereum de melhorar significativamente seus níveis de escalabilidade.

Como as coisas estão, 15 transações por segundo não são suficiente.

O futuro do Ethereum: As últimas Notícias do Ethereum

Existem várias plataformas de contratos inteligentes que têm um desempenho muito melhor. Se o Ethereum não corrigir seus problemas rapidamente, eles poderão perder para as blockchains concorrentes.

No entanto, o projeto Ethereum tem alguns dos melhores desenvolvedores do setor e tenho plena convicção de que eles não apenas poderão fazer a mudança para a Proof of Stake, mas também instalar os protocolos Sharding e Plasma. Uma vez que eles consigam fazer isso, acho que o preço do Ethereum subirá substancialmente.

Por outro lado, 2018 tem sido um momento difícil para toda a indústria de criptomoedas e quando o Bitcoin perde valor, a maioria das outras moedas geralmente segue o mesmo caminho.

Em suma, acho que o blockchain Ethereum é um projeto muito bom que continuará a dominar o setor de smart contract. 2020 será um ano muito interessante, por isso aconselho-o a continuar a verificar as novidades do Ethereum.

Conclusão

E esse é o fim do meu guia sobre o futuro do Ethereum. Se você leu do início ao fim, você deve ter um bom entendimento do que é o projeto, assim como seus problemas atuais com Prova de Trabalho e dimensionamento.

Também discuti algumas das atualizações planejadas que a equipe Ethereum está planejando instalar em breve e como isso ajudará a melhorar o blockchain. Depois disso, eu também mencionei algumas previsões de preço do Ethereum e eu dei a minha opinião sobre como eu vejo o futuro do Ethereum.

O que você acha que acontecerá? Você acha que a combinação de Proof of Stake, Plasma e Sharding resolverá os problemas de escalabilidade do Ethereum? Se sim, quão alto você acha que seu preço irá?

Por fim, o Ethereum tem uma concorrência muito forte no setor de contratos inteligentes (smart contract). No entanto, como ele foi o primeiro projeto a fazer isso, acho que eles sempre serão os líderes nesse mercado. No entanto, eles não podem demorar muito para fazer as alterações necessárias.

Diga-me o que você pensa sobre isso na seção de comentários abaixo!

Leave your honest feedback

Leave your genuine opinion & help thousands of people to choose the best crypto exchange. All feedback, either positive or negative, are accepted as long as they’re honest. We do not publish biased feedback or spam. So if you want to share your experience, opinion or give advice - the scene is yours!

FAQ

How to pick the best crypto exchange for yourself?

Picking out the best crypto exchange for yourself, you should always focus on maintaining a balance between the essential features that all top crypto exchanges should have, and those that are important to you, personally. For example, all of the best exchanges should possess top-tier security features, but if you’re looking to trade only the main cryptocurrencies, you probably don’t really care too much about the variety of coins available on the exchange. It’s all a case-by-case scenario!

Which cryptocurrency exchange is best for beginners?

Reading through various best crypto exchange reviews online, you’re bound to notice that one of the things that most of these exchanges have in common is that they are very simple to use. While some are more straightforward and beginner-friendly than others, you shouldn’t encounter any difficulties with either of the top-rated exchanges. That said, many users believe that Coinbase is one of the simpler exchanges on the current market.

What is the difference between a crypto exchange and a brokerage?

In layman’s terms, a cryptocurrency exchange is a place where you meet and exchange cryptocurrencies with another person. The exchange platform (i.e. Binance) acts as a middleman - it connects you (your offer or request) with that other person (the seller or the buyer). With a brokerage, however, there is no “other person” - you come and exchange your crypto coins or fiat money with the platform in question, without the interference of any third party. When considering cryptocurrency exchange rankings, though, both of these types of businesses (exchanges and brokerages) are usually just thrown under the umbrella term - exchange. This is done for the sake of simplicity.

Are all the top cryptocurrency exchanges based in the United States?

No, definitely not! While some of the top cryptocurrency exchanges are, indeed, based in the United States (i.e. Coinbase or Kraken), there are other very well-known industry leaders that are located all over the world. For example, Binance is based in Tokyo, Japan, while Bittrex is located in Liechtenstein. While there are many reasons for why an exchange would prefer to be based in one location over another, most of them boil down to business intricacies, and usually have no effect on the user of the platform.

Days
Hours
Minutes
Seconds